Menu Fechar

SAÚDE

A saúde não pode esperar

Temos assistido nos últimos anos ao degradar da prestação dos cuidados de saúde através da promoção de dois sistemas de saúde que discriminam a população, entre os mais ricos e os mais pobres. A Iniciativa Liberal entende que existe uma forma melhor de prestar serviços de saúde de qualidade a todos, aproveitando os recursos que o país dispõe, sejam eles públicos ou privados.

Cascais não tem sido exceção relativamente ao declínio da prestação de cuidados de saúde, havendo equipamentos públicos com graves carências logísticas, serviços que apenas se encontram disponíveis em tempo útil para quem tem um seguro de saúde ou no pior dos casos nunca chegando a materializar-se.

Na saúde é necessário um uso racional dos serviços de saúde do concelho (públicos e privados) garantido o acesso universal. Cascais deverá ser a referência na prestação de cuidados de saúde à sua população tratando todos de forma igual. Acreditamos que os munícipes de Cascais deverão livres de escolher o prestador do município que melhor responde às suas necessidades aumentando o leque de escolhas disponíveis.

A Iniciativa Liberal defende que os vários serviços existentes no município devem ser comunicados a todos de acordo com o seu estágio de vida, em articulação com a totalidade da oferta pública e privada do concelho.

1.

Melhorar a Qualidade no Acesso a Cuidados de Saúde

  1. Insistir, junto da Administração Central, para que seja atribuído médico de família aos mais de 30.000 munícipes de Cascais que ainda não o têm.
  2. Promover parcerias entre as escolas e os prestadores de cuidados de saúde do concelho com o objetivo de promover bons hábitos de saúde.
  3. Construir os novos centros de saúde de Cascais e Carcavelos.
  4. Rever as condições de acessibilidade dos centros de saúde para acabar com os graves constrangimentos de acesso e estacionamento.
  5. Executar obras de renovação e modernização dos centros de saúde que não tenham sido alvo de intervenção nos últimos 10 anos.
  6. Promover o aumento da oferta na área da saúde através de novos prestadores.

2.

Promover o Acesso Universal à Saúde

  1. Promover e divulgar a rede de cuidados de saúde mental existente no concelho com vista ao tratamento das várias patologias associadas.
  2. Efetuar o “raio x” da saúde mental em conjunto com a Segurança Social e ACES Cascais para atuar em conformidade.
  3. Promover o envelhecimento ativo na população, em articulação com a criação de novos espaços verdes, ciclovias e percursos pedonais.
  4. Promover programas de combate ao tabagismo infantil e juvenil, em articulação com o Estado central e organizações do setor.